INFRAESTRUTURA 2021: PAGOS MAIS 3 MILHÕES E 280 MIL PARA 13 MUNICÍPIOS GAÚCHOS

Projeto Pé na Estrada: “MAIS BRASIL, MENOS BRASÍLIA”.

Nesta semana foi pago o montante de R$3.280.000,00 em recursos provenientes de emenda parlamentar individual, indicadas pelo Deputado Nereu Crispim, para obras e infra-estrutura em 13 municípios gaúchos.

São eles:

– Alvorada: 200 mil para pavimentação da Rua Maria Quitéria e para o prolongamento da Rua são Manoel no bairro Aparecida;

– Barra do Ribeiro: 200 mil para aquisição de uma escavadeira;

– Cachoeirinha: 380 mil para construção de escola no loteamento Campo Belo do Bairro Fazenda Esperança;

– Capela de Santana: 200 mil para pavimentação no município;

– Gramado: 250 mil para pavimentação no município;

– Morro Reuter: 200 mil para pavimentação no município;

– Nova Petrópolis: 200 mil para pavimentação no município;

– Piratini: 250 mil para aquisição de motoniveladora;

– Santo Antônio da Patrulha: 400 mil para pavimentação da Estrada Sergio Luckmann, na localidade de Monjolo e também para o pórtico da cidade;

– São Marcos: 200 mil para aquisição de um caminhão cesto aéreo para realização de obras no município;

– Sapucaia do Sul: 400 mil para aquisição de um caminhão caçamba e uma retro escavadeira;

– Torres: 200 mil para aquisição de uma retro escavadeira;

– Vacaria: 200 mil para pavimentação no município.

Com nosso projeto “Pé na estrada”, explica o deputado Nereu Crispim, “conversamos sobre a política no seu bairro, na sua rua para juntos construir a política do povo brasileiro, de um NOVO Brasil, de um país que quer paz e progresso, que não quer escolher entre A ou B, um país que quer ter opções”. 

“Levamos os recursos para os lugares certos sem desperdício, o dinheiro público deve ser destinado para beneficiar as pessoas. Quando entregamos uma emenda parlamentar não estamos fazendo favor a ninguém, estamos apenas devolvendo o dinheiro proveniente dos impostos arrecadados das atividades econômicas das cidades, que vai desde o pequeno comércio ou prestador de serviços até o grande empreendedor ou grande indústria, recolhidos pelo governo federal. Esses recursos pertencem a todos e cabe ao povo o dever de fiscalizar, para que o governo atue com transparência”.

“Político sério não está a procura de aplausos e vaidade está sim a procura da satisfação das pessoas e de ser um instrumento político de transformação social! LIBERDADE E RESPEITO representado pela  DEMOCRACIA!”.

Você pode gostar...