Palácio do Planalto, em resposta a ofícios da Frente Parlamentar dos Caminhoneiros, convida lideranças da categoria para tratar sobre a política de preços dos combustíveis

A reunião acontecerá no dia 28 de outubro, às 16h30 conforme mensagem recebida pela Frente Parlamentar Mista dos Caminhoneiros Autônomos e Celetistas, representada por seu Presidente, Deputado Federal Nereu Crispim. Na pauta serão debatidos os critérios econômicos e tributários a serem implementados na política de preços dos combustíveis e a criação do Fundo de Estabilização dos Preços dos Derivados do Petróleo (PL750/21). Aproveitando a oportunidade, a Frente Parlamentar e lideranças dos caminhoneiros apresentarão as demais demandas da categoria resultado da unificação das pautas que constam na carta de Brasília emitida em 18 de setembro.

Estão convidados para o debate, além da Casa Civil (CC-PR) e do Ministério da Infraestrutura – (MINFRA), o Conselho Nacional do Transporte Rodoviário de Cargas – CNTRC, a Associação dos Engenheiros da Petrobrás (AEPET); a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística (CNTTL); a Associação Brasileira de Condutores de Veículos Automotores (ABRAVA); o Conselho Nacional do Transporte Rodoviário de Cargas (CNTRC), o Sindicato dos Transportadores Rodoviários Autônomos de Bens de Três Cachoeiras, SINDICAM do Porto de Santos e demais representantes.

 

Conforme e-mail abaixo, recebido às 21h25 de sexta-feira (22), a Frente Parlamentar foi notificada do cancelamento devido à negação dos ministérios citados em buscar soluções para a categoria.

Você pode gostar...